Técnico em Eletrotécnica: descubra como conquistar seu diploma por competência

Área de atuação é ampla e salário é atrativo. Para quem já tem experiência no setor não é preciso fazer curso para conquistar um diploma

técnico em eletrotécnica conserta equipamento

 

Já pensou se tornar um Técnico em Eletrotécnica? Afinal, a profissão tem uma ampla área de atuação e o salário é convidativo. E para quem já tem experiência comprovada na área, nem é preciso fazer um curso. Basta se submeter ao processo de Certificação por Competência. Você não sabe o que é isso? Então, fique atento a esse artigo.

Primeiramente, o diploma técnico por competência é reconhecido pela legislação brasileira (artigo 41 da Lei 9.394/96), pode ser obtido da sua casa ou trabalho, sem precisar viajar, e lhe dá a oportunidade de tirar a sua carteirinha do CFT (Conselho Federal dos Técnicos Industriais).

Com o diploma de Técnico em Eletrotécnica em mãos, você tem acesso a muitas vantagens, como um aumento de salário, uma promoção, mais reconhecimento no trabalho e autoestima. Por consequência, você pode ganhar fôlego para continuar estudando. Já pensou virar engenheiro?

Sendo assim, como dissemos no início do artigo, o mercado está favorável para o Técnico em Eletrotécnica. Por isso, acompanhe a seguir a atual situação do mercado.

Mercado do Técnico em Eletrotécnica: vagas e salários

Se você já trabalhou ou trabalha como auxiliar nesta área, sabe que as oportunidades são amplas. Nesse sentido, o profissional diplomado pode atuar em quatro grandes áreas: geração, transmissão, distribuição e consumo de energia elétrica.

Assim, o técnico pode trabalhar tanto na área privada, nas grandes indústrias e até multinacionais, quanto no setor público e nas concessionárias que prestam serviços para prefeituras e estados. Mas o Técnico em Eletrotécnica pode também dedicar-se à área petrolífera, que já é um setor bastante consolidado no Brasil.

Portanto, agora que você já conheceu melhor a área de atuação, que tal saber a remuneração da área? Nesse sentido, o levantamento do site Vagas.com mostra que o rendimento médio do Técnico em Eletrotécnica no Brasil é de R$ 2.632,00.

Mas é claro que tudo depende dos seus anos de experiência, da política de cargos e salários da empresa e também da região onde a empresa está instalada. Além disso, o salário pode conter adicionais, como periculosidade e trabalho noturno, que vão melhorar seu holerite.

Engenharia elétrica: confira as principais áreas de atuação

A engenharia elétrica é bastante ampla e envolve a eletrotécnica, a eletrônica e a automação industrial. Portanto, veja a explicação sobre cada área:

  • eletrotécnica: corresponde aos processos ligados à geração, transmissão, distribuição e uso da energia elétrica;
  • eletrônica: trabalha com grandezas elétricas de pequena amplitude;
  • automação industrial: focada em projetos direcionados às máquinas e processos industriais.

Concluindo este artigo, o Técnico em Eletrotécnica encontra boas oportunidades no mercado de trabalho. Portanto, se você já trabalhou na área, porém ainda não é diplomado e não tem tempo de fazer um curso de dois anos de duração, procure a certificação por competência.

Por isso, te faço um convite: acesse a página do Técnico em Eletrotécnica do IBQP e tire suas dúvidas sobre o procedimento.

2 Responses to “Técnico em Eletrotécnica: descubra como conquistar seu diploma por competência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *